Arquivo da categoria: Pessoas

vídeo explica a geração Y

Sempre é bom entender um pouco do que se passa ao nosso redor. Ao longo da história, cada geração tem suas características mais marcantes. Hoje, temos a geração Y, formada por jovens bem informados, influentes, com bom poder de compra, disposição para mudanças, multitarefas e que muitas vezes não sabe ao certo o que fazer com isso.
Muitas pesquisas vem sendo feitas sobre o tema, entre elas pode-se dizer que o vídeo “We all to be young” criado pela agência BOX1824 mostra bem essas características. Entenda um pouco mais sobre essa geração inquieta e conectada:

Anúncios

Ciência e tecnologia diminuem a relevância da natureza?

No meu curso de Engenharia Elétrica na UFPE temos uma cadeira chamada Sociologia e Meio Ambiente, ministrada pelo Prof. Clóvis Cavalcanti, onde me foi proposto responder a seguinte pergunta:

“Faz sentido dizer que a ciência e a tecnologia tornam a natureza menos relevante? Justifique”

A resposta segue abaixo:

“Não tem sentido dizer que ciência e tecnologia tornam a natureza menos relevante. O que elas fazem é procurar transformar recursos naturais para usufruto da sociedade. Sem a natureza elas perdem seu propósito. É sobre ela que a humanidade se sustenta.
Regidas pelo mercado, ciência e tecnologia são voltadas às necessidades de lucro das empresas e de consumo ostensivo da sociedade. As consequências de tal postura muitas vezes vêm na forma de catástrofes para a própria sociedade, pois pouca atenção é dada à natureza. A exemplo disso temos a contaminação do ar, dos solos, das águas, diminuição de biodiversidade, etc.
Foi a natureza que criou as condições em que o planeta se encontra atualmente. O tempo que ela levou para construir tais condições (milhões de anos) é infinitamente maior do que o que a humanidade está levando para degradá-la. É importante procurar preservar o planeta tal qual ele é. Para isso, além de cobrar da indústria o desenvolvimento de técnicas limpas, precisamos também aprender a consumir menos e de modo inteligente.”

Fiquem à vontade para comentar, refletir sobre o tema, enfim, só não coloquem comentários ofensivos, que eu nem penso duas vezes antes de apagá-los, ok?

Entrevista com o fundador do Ubuntu

Idealizador do software de código aberto Ubuntu, com base no GNU/Linux, Mark Shuttleworth ganhou uma bolada de 500 milhões de dólares em 99 por sua empresa em pleno boom da internet. Depois disso ele quis fazer algo mais de sua vida do que simplesmente curtir a grana, e decidiu fazer isso realizando um sonho de infância: foi passar uma temporada no espaço… pra por as idéias no lugar sabe??  Na volta ele estava cheio de idéias para fazer desse mundão um lugar melhor. Entre elas projetos para ajudar o desenvolvimento da África e o Ubuntu, um Sistema Operacional totalmente gratúito e de qualidade, e de lá para cá eles têm mostrado resultados. Veja mais na reportagem do Bruno Torturra Nogueira, pela revista TRIP.